Construção do novo Fórum de Aparecida é tema de encontro


13 de junho de 2018
Foto: Rodrigo Estrela

Projeto da obra deverá ser apresentado até o final deste mês

O prefeito Gustavo Mendanha se reuniu na manhã desta terça-feira, 12, com o secretário de Regulação Urbana, Raul Coutinho, o procurador-geral do Município, Fábio Camargo, o juiz auxiliar do Tribunal de Justiça de Goiás (TJ Goiás), Clauber Costa Abreu e técnicos da Regulação Urbana da cidade para tratar de assuntos relacionados à construção do novo Tribunal de Justiça de Aparecida de Goiânia.

Em 2004, o município cedeu o terreno de cinco mil metros no Jardim Maria Inês, na região da Vila Brasília, para que o Poder Judiciário construa o novo prédio. Agora, a administração municipal aguarda os projetos da obra para que seja observado se os mesmos atendem as determinações do Plano Diretor do município.

Para Gustavo Mendanha, a população será a maior beneficiária. “A prefeitura é a maior interessada em trazer mais um equipamento do Judiciário para a cidade. Estamos avaliando questões relacionadas ao nosso Plano Diretor e à segurança jurídica para a construção do empreendimento. Quem ganha é a população da nossa cidade que, nos últimos anos, cresceu muito. O novo fórum irá oferecer maior acesso aos serviços prestados pelo Judiciário goiano à população da nossa cidade”, pontuou.

Durante a reunião ficou acertado que técnicos de engenharia do Tribunal irão apresentar à Prefeitura o projeto arquitetônico da obra até o final do mês de junho. “O Tribunal de Justiça tem a perspectiva de ampliar sua atuação no município e para isso precisa da construção de um novo prédio. Para agilizar o processo de construção, fizemos essa reunião para que pudéssemos alinhar o discurso e regularizar a documentação que estava faltando”, explicou o juiz Clauber Costa Abreu, do TJ.

 

Fonte: Rafael Freitas

Mais Notícias