Mutirão do Cad Único atende moradores da região do Cidade Vera Cruz até sexta-feira, 16


15 de agosto de 2019
Foto: Jhonney Macena

A Prefeitura de Aparecida, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas), realiza mais uma edição do mutirão do CAD Único nos bairros. Nesta quinta-feira, 15 e sexta-feira, 16, das 8h às 17h, o ônibus itinerante está estacionado na sede do Centro de Formação Integral, localizado na Rua H 125, no setor Cidade Vera Cruz. O objetivo da ação é realizar o cadastramento de mais de mil famílias da região no programa.

A diretora do CAD Único de Aparecida, Márcia Bezerra, explica que o cadastramento e recadastramento é importante, pois é através deles que as famílias que residem no município podem ter acesso aos benefícios sociais. “Estamos aqui com esse mini mutirão na região do Cidade Vera Cruz, para atender a população que tem o perfil para o cadastro único. O recadastramento também é importante porque evita que pessoas beneficiadas sejam bloqueadas nos programas sociais”, explicou.

O cadastro único dá acesso a todos os benefícios do Governo Federal temos bolsa família, a isenção em concursos públicos a identidade jovem, programa minha casa minha vida e muitos outros. “Um dos benefícios mais procurados na secretaria é o da Prestação Continuada (BPC) do INSS, e para recebe-lo, os beneficiados precisam obrigatoriamente estarem incluídos no cadastro único. Por isso estamos com esse mutirão, para atender idosos e pessoas com deficiência que ainda não fizeram seu cadastro” pontuou a coordenadora do programa, Yohana de Oliveira.

Todos que já são inseridos no CAD Único precisam atualizar os dados a cada dois anos, ou quando há alguma alteração nos documentos, como a troca de endereço. “Além dos mutirões realizados de tempos em tempos e dessas ações nos bairros, temos também oito Centros de Referência de Assistência Social (CRAS), que os moradores podem procurar, e também a secretaria de Assistência Social”, destacou Márcia Bezerra.

A moradora do Cidade Vera Cruz, Daiane Lemos disse que estava ansiosa para fazer o seu primeiro cadastro. “Vou me cadastrar, pois tenho três filhos pequenos e estou desempregada. Se eu tiver direito, será muito bom receber o benefício do Bolsa Família”, explicou ela enquanto aguardava atendimento.  Já Marinete Ferreira procurou o mutirão para fazer o recadastramento e assim garantir o recebimento do benefício. “Essa renda me ajuda a manter minha casa e comprar materiais escolares para minha filha. E a permanência do benefício é muito importante para a minha família”, comentou.

Fonte: Pabline Flaviane

Mais Notícias